ÚLTIMAS NOTÍCIAS

NOTÍCIAS ANTERIORES

Chuvarada no final da tarde

Durante aproximadamente uma hora e meia caiu um “pédagua” daqueles em Batalha.
Com fotos de Mauro Robert e Bruno Rafael, confiram esses momentos.

Aterro Sanitário de Batalha é um lixão a céu aberto

A Página de Batalha na internete vem de público denunciar o recolhimento e destino dos resíduos sólidos urbanos de Batalha. Antes porém, se faz necessário esclarecer a Política Nacional de Resíduos Sólidos, definida pela Lei 12.305/2010, regulamentada pelo Decreto 7.404, de 23/12/2010.
A referida lei estabelece princípios, objetivos, instrumentos e diretrizes para a gestão e o controle dos resíduos sólidos, bem como as responsabilidades dos seus geradores, do poder público e dos consumidores. Ainda, dos instrumentos econômicos aplicáveis…etc etc etc…
Um tópico importante da lei é a diferenciação entre resíduo e rejeito, estimulando o reaproveitamento e a reciclagem dos materiais, assunto tão em voga nos dias atuais.
Recentemente, a classe política aprovou mais dois anos de tolerância para com a aplicação da lei por parte dos administradores públicos. Mas isso não lhes retira a responsabilidade.
Pois bem, em Batalha entra e sai gestor e nenhuma providência é tomada. Importante salientar que a Política Nacional de Resíduos Sólidos incentiva a formação de associações intermunicipais que permitam a estabilização dos resíduos. Aqui cabe um comentário nosso quando questionamos o então prefeito Amaro Melo em 2010, ano da lei, assim que soubemos de uma empresa homologada pelo poder público que escolheu através de estudo técnico ser Batalha a cidade ideal pra implantação de uma usina de tratamento e reciclagem de resíduos com a geração de muitos empregos.
Os anos se passaram e a atual prefeita Teresinha Lages só fez mudar de lugar o lixão de Batalha. Antes em terreno particular na saída de Batalha, na ladeira chamada Batalha de Cima, pela PI – 110, para um outro local aberto a seis quilômetros dali, na mesma rodovia, após o cercado do lugar Olho d´Água d´Areia. Local de piscina natural de água límpida, mas que corre risco de ser atingida pelo chorume produzido no lixão instalado entre a nascente das águas e a piscina natural, afora toda sorte de contaminação.
A matéria é longa e ainda terá outros desdobramentos a partir daqui. Convido vocês a assistirem o vídeo abaixo que produzimos a partir de gravação realizada no período do Carnaval deste ano. São cenas chocantes, impróprias para que tem amor à vida e à natureza.
Acorda, Batalha!

Rodoviária Rufino Lopes Castelo Branco em total abandono

A Página de Batalha publica com tristeza esta matéria sobre a rodoviária de Batalha abandonada pelo poder público.
A homenagem ao saudoso Rufino Lopes Castelo Branco, um teresinense que montou e manteve a partir da década de 40 do século XX a primeira usina elétrica de Batalha. Ele que também foi responsável pela primeira linha regular de transporte coletivo entre Batalha e Teresina.
A rodoviária foi construída na administração do saudoso prefeito Machado Melo, na década de 80. Ao contrário de outras rodoviárias, em Batalha muitas linhas de ônibus interurbanos sequer estacionam no local. Na maioria das vezes grandes ônibus param na avenida para embarque e desembarque. Um total desrespeito para com os passageiros. Além do risco de acidentes de trânsito pela negligência e descaso.
Os permissionários calam-se diante dos fatos pelo medo de perderam a vaga. Uma atitude compreensível e ao mesmo tempo covarde, em nossa opinião. Enquanto isso, a edificação corre riscos iminentes e mesmo assim ninguém faz conta do abandono. Mais uma vez presente o velho jargão popular de que “quanto pior, melhor”.
Acorda, Batalha!

Monsenhor Lotário Weber completa 91 anos de vida

Monsenhor Lotário Weber completa hoje, dia 03 de março, 91 anos de idade. Ele que mora em Cajueiro da Praia, próximo da Diocese de Parnaíba.
O então padre Lotário em sua passagem por Batalha deixou uma grande obra social a partir da comunidade Kolping alemã que até hoje ajuda nossa cidade com projetos sociais. Recentemente, deu-se a escolha de nova diretoria para a associação com massiva representação da sociedade batalhense ao evento.
Foi dele a ideia de transformar o antigo campo de pouso, aeroporto, numa vila onde as pessoas de baixa renda pudessem adquirir um imóvel a partir de uma módica prestação mensal. transformada em bairro, é dos mais representativos de nossa sociedade.
Ao querido padre, hoje monsenhor, as nossas felicitações cheias de paz e alegria.
Foto Montagem: A partir do Facebook da Diocese de Parnaíba

Ponto de Cultura Nossas Raízes – Inscrições para curso de Violão, Flauta Doce, Teclado, Canto e Informática

O ponto de Cultura Nossas Raízes agora de casa nova informa que estão abertas as inscrições para os cursos mencionados.
As aulas serão ministradas de  segunda-feira a sábado na sede nova da associação à rua Edson da Costa Araújo, 255. Esquina com a rua Matias Quaresma de Melo.
Abaixo vejam fotos em detalhes na nova casa de cultura de Batalha.
De parabéns a professora Socorro Silva, professor Lucélio, os colaboradores e alunos dessa casa exemplo para todos nós batalhenses.
Ao jovem Bruno Rafael, que agora também irá colaborar com nossa Página, os créditos das fotos e informações desta matéria.

Promotoria determina lotação imediata dos 36 servidores afastados

Através do ofício 2PJB 032/2015, datado de 26 de fevereiro de 2015, o promotor de justiça Antonio Charles Ribeiro de Almeida determinou que a secretária Lina Cecília de Melo Soares Lustosa, a professora Lina Cecília, providencie no prazo de 10 dias a lotação dos 36 servidores listados como demissíonários pela portaria municipal 008/2014.
Determina também que o critério a ser adotado seja, primeiramente, o acordo entre o município e o servidor, e, como segunda opção a lotação provisória do referido servidor em novembro de 2014.
A secretária Lina Cecília deverá cuprir o que determina o promotor sob pena de cometer crime de desobediência à decisão judicial.
O documento segue abaixo para que leiam na íntegra.

Promotor-oficio

Morre ex-vereador Otávio Ribeiro de Melo

O batalhense da localidade Bom Assunto faleceu por volta das 23hs de ontem, 23 de fevereiro, e deverá ser enterrado amanhã, dia 25, no cemitério de seu torrão natal.
Homem simples, ruralista, prestador de favores a todos que o procuravam, afirmou a vereadora Shammara. O carinho era tanto que muitos o chamavam de tio Otávio.
Foi vereador por três mandatos. Sendo o primeiro na administração do querido prefeito Humberto Lopes Tabatinga, segundo o ex-vereador e companheiro de câmara Luiz Segundo.
Conversamos há pouco também com D. Valdete, esposa de seu sobrinho, o amigo Ailton Cardoso, cuja irmã Abdoa Cardoso fora casada com o homenageado.
De família tradicional de nosso município, os Ribeiro de Melo, o digno senhor não deixa filhos legítimos. Mas assim como sua madrinha D. Candinha o criou, ele também repetiu o gesto com muitos filhos da região, dentre eles o pai da vereadora Shammara Maria. Um gesto de gratidão, a maior das virtudes de um homem.
O filho de D. Lina, prima dos saudosos João Fortes e Seu Sena, era irmão de D. Nenem do finado Domingos Cesário portanto, tio de D. Celeste do Zé Gomes e Lourival da D. Inês.
Deixe seu comentário na nova Página de Batalha, de forma a contribuir para com esta singela homenagem ao batalhense exemplo de gratidão a ser seguido.
Aos familiares e amigos do vereador Otávio Ribeiro de Melo nossos sinceros sentimentos de pesar

Monsenhor Lotário Weber Completa 60 anos de Sacerdócio

A Diocese de Parnaíba, com o Bispo Diocesano e seu presbítero celebram hoje, dia 24 de fevereiro, às 19h, em Cajueiro da Praia, a missa em Ação de Graças pelos 60 anos de vida sacerdotal do nosso querido Mons. Lotário Weber. Uma festa rara, em que um padre está fazendo o jubileu de diamante de sua vida sacerdotal. Por isso os padres da Diocese que estão fazendo o seu retiro espiritual se deslocarão para esta grande concelebração.
Destes 60 anos de vida sacerdotal, foram mais de 50 anos dedicados à evangelização na nossa Diocese de Parnaíba. Foi em 1963, que o então Pe. Lotário Weber iniciou o seu ministério sacerdotal na paróquia de Pedro II. Foram anos de um fecundo pastoreio no meio deste povo. Com uma pequena interrupção quando passou na paróquia de Batalha, permaneceu até 1989 em Pedro II. Muitas são as Igrejas e outras obras que são testemunho da presença e do seu ardor missionário naquela paróquia.
Em 1989 partiu para um nova missão no então povoado de São João da Fronteira.
Novamente colocou todo o seu esforço e carisma na Construção do Reino de Deus. Contanto que o povoado passou a ser cidade, também graças às infraestruturas promovidas pela paróquia que o Mons. Lotário conduziu como um zeloso pastor.
Novamente encontramos Igrejas, Colégios e outros prédios que estão trazendo a assinatura do então pároco Mons. Lotário Weber. Junto com tudo isso formou o Povo de Deus, dando uma ênfase especial à catequese e à formação da juventude.
Passados dez anos de intensa dedicação pastoral novamente o nosso Mons. Lotário segue o seu caminho em direção a mais uma etapa de sua missão evangelizadora. Desta vez em Cajueiro da Praia, onde novamente desenvolveu uma atividade pastoral fecunda até os dias de hoje.
Sempre foi preocupado não só em anunciar e testemunhar a Palavra de Deus, mas também de promover uma vida mais digna para o seu povo.
A vida do Mons. Lotário Weber representa uma das mais belas páginas da nossa Igreja Diocesana de Parnaíba. Parabéns!
Matéria e foto do portal da Diocese de Parnaíba  www.diocesedeparnaiba.org

STTR Realiza Plenária de Mulheres Sindicalizadas

STTR de Batalha, através da secretaria de mulheres trabalhadoras rurais, juntamente com entidades parceiras realizaram no dia 21/02/15, na Unidade Escolar Gayoso e Almendra a plenária municipal de mulheres trabalhadoras rurais. A mesma teve como tema: pelo fim da violência, pela geração de renda e participação política. 

Estiveram presentes no evento o presidente do STTR de Batalha – Pedro Paulo Soares; a secretária de mulheres da FETAG-PI – Francisca Gilberta; a secretária de jovens da CONTAG – Mazé Morais; a presidente do Conselho estadual de defesa dos Direitos da Mulher e representante da regional nordeste da CONTAG – Rosalina Rodrigues;  representante do CERAC – Milton da Costa; representante do CEAA e Vereadora – Patrícia Vasconcelos, presidente da UMB – Jane Oliveira; vereador Alexandre Marques, representante do Banco do Nordeste – Claudia Silva.

A programação iniciou se com a composição da mesa de honra e seguiu com um resgate da HISTORIA DE LUTA E PARTICIPAÇÃO DAS MULHERES NO MOVIMENTO SINDICAL feito pela secretária de mulheres da FETAG PI, em seguida as participantes foram divididas em três oficinas que discutiram temas específicos: desenvolvimento sustentável e agroecologia – coordenada pela equipe do CERAC, enfrentamento à violência contra a mulher – coordenada pela presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Mulher, e geração de renda e acesso ao credito – coordenada pela equipe do CEAA.

Aprendi sobre os direitos e deveres do homem e da mulher na educação dos filhos, na saúde, na segurança e principalmente sobre o respeito entre ambos os sexos” – disse D. Francisca uma das participantes da oficina sobre o enfrentamento à violência contra a mulher.

Durante toda a plenária houve uma exposição dos produtos produzidos pelas mulheres como: cheiro verde, bolo, temperos, doce, cajuína e artesanato (crochê, palha de milho, E. V. A).

O dia foi de muita animação, participação, formação e informação para as mulheres que eram em torno de 130 e vieram de varias comunidades e assentamentos do município de Batalha.

Destacou ainda a presença de uma representante do conselho tutelar – Lenilda Gomes, da supervisora estadual de Educação do município – Irene Castro, equipe de técnicas do CERAC, equipe de técnicas do CEAA, as mulheres da UMB, representante do CONSAD, equipe do Ponto de Cultura “Nossas Raízes”, assessores da FETAG PI, coordenador do polo Sindical da região de Esperantina, representante do território dos cocais e de alunas do projeto da UFPI sementes dos saberes agroecológicos.

A plenária foi encerrada com o ato de lançamento da Marcha das Margaridas 2015 que acontecera nos dias 11 e 12 de agosto em Brasília.

Por: Leo Costa e Miscilene Cruz

Chuva de Fevereiro Anima Agricultores

Não foi no Carnaval, como acontece quase sempre. Mas hoje, dia 19 de fevereiro, deu aquela chuvinha boa pra diminuir o calor e dar esperança ao agricultor de que ainda é possível ter um bom inverno.
Veja as fotos clicadas pelo colaborador Mauro Robert.

Tema Por Premium Wordpress